quinta-feira, 16 de junho de 2016

Padre distribui pães a moradores de rua em Ribeirão Bonito

Dezenas de fiéis participaram de Missa Festiva no Dia de Santo Antonio 

Marcel Rofeal, de Ribeirão Bonito 

Foto: Marcel Rofeal/BMR
Após a Missa Festiva que celebrou Santo Antonio de Pádua na noite da última segunda-feira (13), na Igreja Matriz da Paróquia Senhor Bom Jesus da Cana Verde de Ribeirão Bonito, o pároco local, padre João Francisco Trovilho Morales, pediu a distribuição de pães a dependentes químicos abrigados sob o Coreto “Maestro Paris Muccillo” da Praça Nove de Julho, no Centro da cidade. De acordo com o sacerdote, uma das Obras de Misericórdia é dar de comer a quem tem fome.

Dezenas de pessoas participaram da cerimônia religiosa, que começou pouco depois das 19h. Durante a celebração, em que foi apresentada uma parte do histórico de Santo Antonio, fiéis e padarias da cidade doaram grande quantidade de pães para serem abençoados. Segundo estimativas, mais de mil unidades foram apresentadas. Para os fiéis, a doação de pães seria uma forma de agradecer ao santo por graças atribuídas a ele, ou, ainda, como oferta para graças.

Nascido Fernando Antonio de Bulhões, Santo Antonio nasceu em Lisboa, Portugal, em 1195. Entrou para o Mosteiro de São Vicente dos Cônegos Regulares de Santo Agostinho aos 19 anos. Após dois anos, seguiu a Coimbra para dar sequência aos estudos. Conheceu São Francisco de Assis na Itália e passou a seguir os franciscanos. É considerado protetor das coisas perdidas, dos casamentos e dos pobres. Morreu em Pádua, na Itália, em 1231, com apenas 36 anos de idade.

Nenhum comentário: