terça-feira, 16 de agosto de 2016

Eleições 2016 | Campanha é aberta oficialmente aos quatro candidatos a prefeito e 87 a vereador em Ribeirão Bonito

Nomes foram encaminhados à Justiça Eleitoral e aguardam julgamento 

Marcel Rofeal, de Ribeirão Bonito 

Fotos: Marcel Rofeal/BMR
A 47 dias do primeiro turno, está aberta oficialmente nesta terça-feira (16) a campanha eleitoral. Nesta segunda-feira (15), a Justiça Eleitoral confirmou o cadastro de 95 candidatos em Ribeirão Bonito, quatro a prefeito, quatro a vice e 87 a vereador. Com o início da propaganda eleitoral de forma oficial, candidatos, partidos políticos e coligações podem distribuir materiais de campanha, usar carros de som e até promover comícios. Na internet, é proibida a campanha paga.

Por partidos, o PTB é o que mais indicou candidatos ao Legislativo com 15 nomes; da coligação “Juntos somos mais”, que ainda conta com PPS e PRB, totaliza 25 candidatos, sendo nove pelo PRB e um pelo PPS. Na sequência está o Solidariedade, com 14 candidatos a vereador. O PSB é o terceiro partido em candidatos com 13 nomes; a coligação “Amor por Ribeirão e Guarapiranga”, que reúne PDT com três, PTN com dois, DEM com dez e PSDB com oito, totaliza 36 indicações.

Já o PMDB apresenta nove candidatos a vereador, um por vaga; o partido integra a coligação “Paz e união em Guarapiranga e Ribeirão”, que reúne PV com dois candidatos e PSD com mais um, um total de 12 nomes. À eleição majoritária, no entanto, PTB e Solidariedade são os únicos que apresentaram o que é conhecido por “chapa pura”, com candidatos a prefeito e a vice do mesmo partido. PSDB e PSD decidiram se unir a DEM e PMDB, respectivamente, em chapas mistas.

Candidatos ao Executivo - por ordem alfabética

Pelo Partido Social Democrático (PSD), foi registrada a candidatura do advogado Fábio Rohrer Zeraik ao Executivo. Aos 41 anos, ele é casado e formado em Direito pela Universidade de Ribeirão Preto. Natural de São Carlos, é de família tradicional de Ribeirão Bonito. Em 2013, chegou à vice-presidência da 216ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Ribeirão Bonito e, entre 2014 e 2015, também foi presidente do Rotary Club de Ribeirão Bonito.

A coligação “Paz e União em Guarapiranga e Ribeirão” tem como candidato a vice-prefeito, pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) o produtor agropecuário Marcelo Antonio Lollato. Aos 50 anos, ele é casado e formado em Jornalismo pela Universidade de Araraquara. Natural de Araraquara, mudou-se para  Guarapiranga e presidiu a Associação de Moradores por três anos. Foi eleito vereador em 2012 e tornou-se presidente da Câmara em 2015.

Pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), foi indicado o nome de Francisco José Campaner a prefeito. Aos 54 anos, natural de Ribeirão Bonito, formou-se em Direito pelas Faculdades Integradas de São Carlos - e é empresário. Vereador aos 21 anos em 1983, o mais jovem da história da cidade, presidiu a Câmara até março de 1984. Voltou à Casa em 2001, reeleito em 2004 e reconduzido à presidência em 2005. Disputou a Prefeitura em 2012 e obteve 948 votos.

A coligação “Amor por Ribeirão e Guarapiranga” traz como candidato a vice-prefeito, pelo Democratas (DEM), o também advogado Luiz Arnaldo de Oliveira Lucato. Aos 41 anos, natural de Ribeirão Bonito, ele é casado. Entrou para a política em 2004, disputando a Prefeitura pela primeira vez, mas ficou em segundo lugar com 2.281 votos. Quatro anos depois, em 2008, voltou a disputar o Executivo e mais uma vez ficou em segundo lugar, com 1.318 votos. Não concorreu em 2012.

Pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), foi registrado o empresário Paulo Antonio Gobato Veiga como candidato a prefeito. Aos 51 anos, nascido em Ribeirão Bonito, é casado. Filiado ao PPS, disputou sua primeira eleição em 2000, para vice-prefeito. Quatro anos mais tarde, tentou novamente e foi eleito ao lado de Rubens Gayoso Júnior em 2004. Tornou-se prefeito em março de 2008, com a cassação do mandato de Rubinho, e foi reeleito, no mesmo ano, com 3.754 votos.

A coligação “Juntos somos mais” apresenta como candidato a vice-prefeito o empresário Luiz Marcelino dos Santos Pallone, também pelo PTB. Aos 51 anos, natural de Ribeirão Bonito, ele é casado e formado em Biomedicina. Pelo PMDB, chegou à Câmara em 2001 e foi conduzido à vice-presidência da Casa. Disputou a reeleição em 2004, mas retornou ao Legislativo pelo extinto PL em 2007, assumindo como presidente da Câmara. Já pelo PSB, acabou reeleito em 2008 e em 2012.

Pelo partido Solidariedade (SD), foi registrada a candidatura do empresário Rogério Martins dos Santos a prefeito de Ribeirão Bonito. Aos 29 anos de idade, é casado e considerado uma novidade na política local. Natural de Ribeirão Bonito, concluiu o Ensino Médio na Escola Estadual “Dr. Pirajá da Silva” e cursa Ciências Contábeis na Universidade Paulista (UNIP). De acordo com o TSE, foi o único candidato a apresentar propostas de governo até então.

Na mesma chapa, também pelo Solidariedade – que decidiu não se aliar a outras legendas da cidade – surge como candidato a vice-prefeito o servidor público municipal Jesiel Cezar da Silva. Aos 26 anos, é casado e também estreante na política local. Natural de Ribeirão Bonito, também concluiu o Ensino Médio na Escola Estadual “Dr. Pirajá da Silva”, é inspetor de alunos em uma escola de educação infantil e cursa a faculdade de Pedagogia na Universidade Paulista (UNIP).

Um comentário:

Cesar Gavioli disse...

E que possam todos, depois de eleitos, trabalharem como uma família em prol de todos - o povo- e, sem a tola vaidade e sem a ilusão do orgulho, caminharmos em estradas mais planas e construindo pontes para a verdadeira fraternidade Universal...