Universitários e servidores cobram repasses da Prefeitura

Problema tem sido uma queixa constante de ambos setores na cidade 

Marcel Rofeal, da Redação 

Foto: Arquivo/BMR
Estudantes de Ribeirão Bonito que cursam o Ensino Superior em instituições localizadas em municípios vizinhos estão há quase dois meses sem receber o benefício concedido pela Prefeitura para auxiliar no pagamento do transporte até estas cidades, como Araraquara e São Carlos. Há meses o Município tem repassado os recursos com atraso aos jovens. Por outro lado, também os servidores públicos enfrentam atrasos no pagamento do ticket alimentação.

Funcionários da Prefeitura de Ribeirão Bonito afirmam que há quase um mês o valor referente ao auxílio alimentação está atrasado, o que tem prejudicado os servidores no momento de fazer compras. Ainda indignados com a suspensão de alimentos para os breves intervalos durante o expediente, anunciada há poucos dias, o funcionalismo pode ser surpreendido novamente a partir de outubro, quando o pagamento dos salários pode começar a ser prejudicado por falta de recursos.

Já os estudantes, há pouco mais de um ano enfrentam problemas e atrasos no pagamento do auxílio-transporte. Em setembro de 2015, a Prefeitura afirmou com exclusividade ao Blog Marcel Rofeal que estava sem recursos e que poderia suspender o benefício. Um dia após a publicação da reportagem do BMR, o Município anunciou a liberação de R$ 11,5 mil para os estudantes. Desde o segundo semestre do ano passado, atrasos na liberação de recursos são ocorrências frequentes.
Universitários e servidores cobram repasses da Prefeitura Universitários e servidores cobram repasses da Prefeitura Reviewed by Marcel Rofeal on 17:15 Rating: 5

Um comentário:

Cesar Gavioli disse...

O que acontece para chegar a esse ponto a escassez de recursos? Não investir nos estudantes é o mesmo que dizer: "Não queremos evoluir, a cidade do jeito que está vai bem." Ora essas! OS estudantes são o futuro harmônico do país, da cidade.... se investirem neles, é claro. Sobre a questão da falta de vale alimentação aos funcionários públicos é prejudicial a cidade, pois para que as coisas caminhem bem é preciso trabalhadores contentes. O que não é o caso. Infelizmente.

Tecnologia do Blogger.