Fim de ano caótico também no Cemitério de Ribeirão Bonito

Túmulos estão parcialmente encobertos pelo mato alto e pelos entulhos 

Marcel Rofeal, de Ribeirão Bonito 

Foto: Reprodução
Visitar as sepulturas de familiares e amigos no Cemitério de Ribeirão Bonito está cada vez mais difícil. Na manhã de segunda-feira (26), quando foi celebrada a última Missa do ano no principal cemitério da cidade, moradores aproveitaram para percorrer as instalações e encontraram problemas. Mato alto e entulhos em torno dos túmulos causam cada vez mais indignação entre populares. A situação de abandono já foi denunciada inúmeras vezes, inclusive na imprensa.

O espaço que seria uma área livre se mostrou perigoso. Em meio ao matagal que se formou, uma cruz de ferro quase totalmente escondida indica que ali há uma sepultura. Além do mato, entulhos e restos de construção depositados de forma irregular descaracterizaram o espaço que armazena restos mortais sem qualquer identificação. Além da falta de manutenção, que motiva revolta há anos, problemas mais estruturais, como a falta de acessibilidade e de organização, se agravam.

Em conversa com a reportagem do BMR, o auxiliar de serviços gerais Nelson Mussati, que atua como coveiro nos cemitérios do município, afirmou que trabalha com total desânimo devido à falta de atenção da Prefeitura. “A gente precisa de material, de ferramentas, eu vou e peço, mas ninguém faz nada, não fala nada, não dão condição de trabalhar aqui”, desabafou. Preocupado, Mussati afirmou que não há material suficiente, como cimento, para sepultamentos nesse fim de ano.

A situação do Cemitério de Ribeirão Bonito é uma das prioridades da administração do prefeito eleito Francisco José Campaner (PSDB), que assume no próximo domingo (1). Chiquinho indicou o jornalista Marcel Rofeal para coordenar a equipe que terá 100 dias para promover as melhorias necessárias na necrópole. De acordo com Campaner, a Prefeitura deve chamar o classificado em concurso público de coveiro, cuja vaga segue aberta, para auxiliar e reforçar a equipe de trabalho.
Fim de ano caótico também no Cemitério de Ribeirão Bonito Fim de ano caótico também no Cemitério de Ribeirão Bonito Reviewed by Marcel Rofeal on 14:15 Rating: 5

2 comentários:

Sergio Ronco disse...

Lamentável, isso tem nome: DESCASO!Desapreço, Desatenção, Desconsideração, Desapego, falta de sensibilidade, de amor de carinho e atenção com os que se foram. INACREDITÁVEL!!!!

Cesar Gavioli disse...

A situação é delicada mesmo, todavia, com trabalho sério e honesto a reforma do cemitério será concretizada! Boa sorte a nós todos!

Tecnologia do Blogger.