segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Educação esclarece foto polêmica de reservatório de EMEI

Moradores relataram um suposto vazamento de água na segunda-feira 

Marcel Rofeal, da Redação 

Foto: Reprodução
Por meio de redes sociais, moradores do conjunto habitacional Victor Arnaldo Torrezan, popularmente conhecido por Malvinas II em Ribeirão Bonito, divulgaram o flagrante de grande volume de água que jorrava de um reservatório instalado na EMEI “Georgina Emília Signini Gayoso”. Segundo a postagem, o registro é da última segunda-feira (13). De acordo com a Assessoria Municipal de Educação, este é um procedimento normal para a limpeza do reservatório.

A imagem foi divulgada após a repercussão de reportagem sobre o uso irresponsável da água por parte dos moradores da região de baixada do conjunto conhecido por Malvinas enquanto quem vive na parte alta do bairro enfrenta o desabastecimento. De acordo com relatos de quem presenciou o “vazamento”, foi uma cena “chocante”. Em contato com a reportagem, a Coordenadoria Municipal da Educação disse que é um procedimento corriqueiro para a manutenção do próprio reservatório.

De acordo com a pasta, o reservatório havia sido fechado dois dias antes para iniciar os procedimentos de limpeza. Ainda segundo a informação, o que foi flagrado na imagem era o descarte do volume que havia sobrado desse período para que a limpeza pudesse ser feita de forma correta. A pasta ainda informou que o procedimento havia sido solicitado pelos próprios profissionais responsáveis, uma vez que no ano passado esse trabalho não havia sido feito corretamente.

Um comentário:

Sergio Ronco disse...

Prezado Marcel, mesmo sendo água de descarte, a mesma poderia ter sido aproveitada em caminhões pipa e levado às Malvinas para uso em limpeza geral. Não há como ficar surpreso vendo tanta água sendo descartada e alguém ser multado por lavar a calçada. Dois pesos duas medidas? Água com essa quantidade não se joga fora, haja vista que as chuvas deram uma trégua e já estamos precisando delas novamente.