domingo, 19 de março de 2017

Justiça Eleitoral ouve defesa de Chiquinho Campaner

Ação do Solidariedade acusa a chapa do prefeito eleito por “caixa dois”

Marcel Rofeal, de Ribeirão Bonito

Foto: Arquivo/BMR
A Justiça Eleitoral da Comarca de Ribeirão Bonito ouviu na última terça-feira (14), em audiência sobre a ação movida pelo partido Solidariedade contra a chapa do prefeito Francisco José Campaner (PSDB), a testemunha de defesa de Chiquinho. Segundo informações, a audiência teria durado apenas alguns minutos e só o Poder Judiciário teria apresentado questionamentos, uma vez que a própria acusação não teria formulado perguntas. A sentença deve sair nos próximos dias.

Segundo o Solidariedade, partido do candidato Rogério Martins dos Santos que obteve o segundo lugar nas eleições de outubro, a chapa Chiquinho e Nanado teria feito “caixa dois” durante a campanha. A ação é embasada na decisão de primeira instância da Justiça Eleitoral que rejeitou, ainda em dezembro, as contas de campanha do prefeito eleito. A defesa da chapa recorreu da decisão ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em São Paulo e aguarda uma posição.

Nenhum comentário: