quinta-feira, 27 de abril de 2017

Fiéis de Araraquara fazem Via Sacra em Ribeirão Bonito

Morro Bom Jesus passou por reformas em março. Grupo da Paróquia São José se inspirou em encontro do Clero Diocesano

Marcel Rofeal, da Redação

Foto: Divulgação
Na véspera do Domingo de Páscoa, um grupo formado por cerca de 30 fiéis da Paróquia São José, de Araraquara, esteve em Ribeirão Bonito para uma celebração penitencial no Morro Bom Jesus, principal ponto turístico da cidade. O cartão-postal passou por uma reforma em meados de março, ocasião em que a nona estação da Via Sacra, destruída por um deslizamento de terra no início do ano de 2013, foi reconstruída por meio de doações e de trabalho voluntário.

De acordo com a Associação Cultural e de Promoção Social “Casimiro Mikucki”, que é responsável pela administração do Morro Bom Jesus, as obras foram possíveis graças a doações por parte de 14 famílias da comunidade, que praticamente adotaram a cada uma das estações restauradas da Via Sacra, e de outros moradores que doaram latas de tinta e outros materiais empregados nas reformas, mas também a cinco pedreiros e pintores que atuaram sem cobrar pela mão de obra.

Os últimos retoques foram concluídos na tarde do último dia 30 de março e as obras foram entregues na manhã do dia 31, quando mais de 100 padres e diáconos do Clero Diocesano participaram de uma celebração penitencial com o bispo de São Carlos, Dom Paulo Cezar Costa, em Ribeirão Bonito. No encontro, os religiosos percorreram a Via Sacra e se confessaram no alto do Morro. Já na Capela Nossa Senhora Aparecida, deram uma bênção à população ribeirão-bonitense.

Um dos sacerdotes presentes na oportunidade, o padre Allan Murilo Ulprist, pároco da Paróquia São José de Araraquara, sentiu inspiração para convidar também a sua comunidade a repetir a experiência do presbitério. O grupo chegou a Ribeirão Bonito por volta das 8h de sábado (15), seguiu em procissão da Igreja Matriz ao Morro Bom Jesus, onde também percorreu a Via Sacra. A manhã penitencial foi concluída com uma meditação na Capela Nossa Senhora Aparecida.

Nenhum comentário: