Campanha busca recursos para manutenção do Morro Bom Jesus e da Rádio BJ FM de Ribeirão Bonito

Associação que administra as entidades enfrenta grave crise financeira 

Marcel Rofeal, da Redação 

Fotos: Marcel Rofeal/BMR
Responsável pela administração do Morro Bom Jesus, o principal ponto turístico da cidade, e da rádio comunitária BJ FM, a Associação Cultural e de Promoção Social Casimiro Mikucki enfrenta uma séria crise financeira em decorrência da queda na arrecadação há pelo menos quatro meses. De acordo com uma nota divulgada pela diretoria da entidade há 10 dias, a situação se agravou após o corte no repasse de um subsídio que era concedido pela Câmara Municipal.

O texto, divulgado por meio do portal oficial do Morro Bom Jesus na internet, afirma que a entidade “pede socorro” e destaca a suspensão do subsídio à Rádio Bom Jesus para a transmissão das sessões da Câmara. Em tribuna, o presidente da Casa, Marcelo Antonio Lollato (PMDB), explicou, à época em que suspendeu o auxílio, que a decisão foi tomada com base em um relatório do Tribunal de Contas do Estado, que havia alertado sobre possível irregularidade no repasse.

Também é apontado como um dos fatores responsáveis pelo agravamento da situação o atraso no repasse de uma subvenção da Prefeitura de Ribeirão Bonito para manutenção do Morro Bom Jesus. “Diante disso a associação está há uns quatro meses já fechando as contas no vermelho, situação essa que assombra a diretoria tendo em vista a administração neste ano de 2016”, aponta a nota. Para amenizar as dificuldades, uma campanha foi lançada junto ao comércio local.

A venda de espaços publicitários com o lema “Eu adotei o Morro” é uma das alternativas encontradas pela associação cultural na busca por recursos para a administração do morro e da emissora de rádio. Nove empresas já aderiram à campanha; quatro dessas ainda integram um conjunto de 15 empresas que também patrocinam, por meio de apoio culturais, os trabalhos da rádio comunitária, algumas delas desde a fundação da emissora, há aproximadamente duas décadas.

Morro Bom Jesus – As dificuldades financeiras são os principais empecilhos para o início das obras de adequações do sistema de escoamento das águas pluviais, como exigido pelo Ministério Público Estadual desde 2011. A associação que administra o local e a Paróquia Senhor Bom Jesus da Cana Verde, há quase cinco anos, promovem diversas campanhas em busca de recursos para a execução do projeto, que tem sido minuciosamente estudado e adequado à situação econômica.

Doações – Por extrema necessidade, a entidade emitiu um apelo aos visitantes do Morro Bom Jesus, aos devotos de Nossa Senhora Aparecida, cuja capela está situada no alto do morro, e aos ouvintes da Rádio BJ. Os interessados em contribuir para com a manutenção dos serviços podem colaborar pela internet (clique aqui), pessoalmente na emissora ou por depósito bancário. Para mais informações sobre como ajudar, clique no banner ao lado ou ligue para (16) 3344-3216.
Campanha busca recursos para manutenção do Morro Bom Jesus e da Rádio BJ FM de Ribeirão Bonito Campanha busca recursos para manutenção do Morro Bom Jesus e da Rádio BJ FM de Ribeirão Bonito Reviewed by Marcel Rofeal on 01:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.