sexta-feira, 1 de julho de 2016

Estado assina convênio com três municípios da Comarca

Ribeirão Bonito foi o único a ficar de fora em pacote de investimentos 

Marcel Rofeal, da Redação 

Foto: Marcel Rofeal/BMR
O Governo do Estado de São Paulo formalizou na última quarta-feira (29) convênios com dez cidades para a construção de quase 1,1 mil unidades habitacionais. Na Comarca de Ribeirão Bonito, três dos quatro municípios integrantes foram contemplados com recursos para a construção de mais de 300 novas moradias. Segundo o Governo Estadual, serão investidos em torno de R$ 108,6 milhões nas obras. Mais uma vez, Ribeirão Bonito ficou de fora do pacote.

Em evento promovido no Palácio dos Bandeirantes, o governador Geraldo Alckmin assinou convênios do programa “Morar Bem, Viver Melhor” com dez municípios da Região Central. Ao todo, serão 12 empreendimentos da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU). Participaram do evento para também formalizar a parceria com o Estado os prefeitos de Boa Esperança do Sul Edinho Raminelli, de Dourado Juninho Rogante e de Trabiju Fabrício Vanzelli.

Da Comarca de Ribeirão Bonito, apenas o município sede não será beneficiado com sequer uma casa. Boa Esperança do Sul deve implantar 83 novas unidades habitacionais, enquanto Dourado deve construir 173 moradias e Trabiju, 75. A Prefeitura de Ribeirão Bonito, que em entrevista recente afirmou que há déficit habitacional no município, não quis se pronunciar sobre o assunto. Há cerca de uma década, não há investimento na construção de unidades habitacionais no município.

Nenhum comentário: