quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Dirigentes do Senai de São Carlos visitam Ribeirão Bonito

Após reunião com prefeito, parceria com Município pode se concretizar 

Marcel Rofeal, de Ribeirão Bonito 

Foto: Marcel Rofeal/BMR
Dirigentes do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) de São Carlos estiveram em visita a Ribeirão Bonito na manhã desta segunda-feira (13) para conhecerem os prédios públicos que podem ser usados para oficinas e cursos técnicos profissionalizantes na cidade. A visita havia sido agendada na última sexta-feira (10) durante uma reunião na sede do Senai de Araraquara, encontro que contou com a presença do prefeito Francisco José Campaner (PSDB).

O encontro começou por volta das 7h no Gabinete do Executivo. Da Prefeitura, a comitiva acompanhada pelo prefeito Chiquinho seguiu para conhecer prédios públicos que poderiam sediar os projetos. O foco principal foi o prédio da Escola Municipal “Prefeito Rubens Gayoso Júnior”, localizado no bairro Jardim Centenário, mas que ainda não está em funcionamento. O prédio abriga a sede da pasta da Educação, o Centro Cultural do município e as instalações do Telecentro.

A área, que deveria abrigar em torno de 1,5 mil estudantes de duas escolas públicas da cidade, ainda deveria contar com piscinas, anfiteatro e quadras esportivas. Para a Prefeitura, que pretende enviar ao Legislativo uma proposta de conversão da finalidade do espaço para instalar cursos profissionalizantes e projetos culturais e esportivos, seria o local ideal para desenvolver as atividades que a administração pretende promover em parceria junto ao Senai e com o Sesi.

Entre quinta-feira (9) e sexta (10), o prefeito Chiquinho Campaner participou de uma série de reuniões com dirigentes de ambas as instituições, bem como com um representante da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), para estudar possibilidades de convênios com o Município e viabilizar projetos voltados à profissionalização da população. Após a visita a Ribeirão Bonito, diretores do Senai sinalizaram positivamente às tratativas para agilizar a negociação.

Nenhum comentário: